Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Ônibus do time de futebol Borussia Dortmund é visto antes de explosão, na Alemanha 11/04/2017 REUTERS/Kai Pfaffenbach

(reuters_tickers)

FRANKFURT (Reuters) - Procuradores alemães apresentaram 28 denúncias de tentativa de homicídio contra um homem suspeito de detonar três bombas tendo como alvo o ônibus do time de futebol Borussia Dortmund em abril, informou a Procuradoria de Dortmund nesta terça-feira.

O time estava a caminho do estádio do clube para uma partida da Liga dos Campeões contra o Monaco em 11 de abril quando as explosões ocorreram, ferindo o jogador espanhol Marc Bartra e levando ao adiamento da partida em um dia.

O suspeito, de 28 anos e dupla nacionalidade alemã-russa, foi identificado como Sergei V. Ele havia comprado ativos no dia do ataque permitindo-o vender as ações do Borussia Dortmund a um preço pré-determinado.

Ele esperava que o ataque provocasse uma queda no preço das ações do clube, dando-lhe lucro sobre seu investimento.

A Procuradoria afirmou em comunicado divulgado nesta terça-feira que acusou o suspeito de provocar sério dano corporal e de causar uma explosão.

(Reportagem de Maria Sheahan)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters