Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Por Irene Klotz

CABO CANAVERAL, Estados Unidos (Reuters) - Astrônomos acrescentaram nesta segunda-feira 219 candidatos à crescente lista de planetas além do sistema solar, com 10 deles podendo ser do mesmo tamanho e temperatura que a Terra, aumentando as chances de vida.

Cientistas encontraram os planetas candidatos em um lote final das observações do Telescópio Espacial Kepler, da Nasa, de mais de 200 mil amostras de estrelas na constelação Cygnus.

Os candidatos incluem 10 recém-descobertos planetas rochosos que são devidamente distanciados de suas estrelas-pais para que água, caso exista, se acumule em suas superfícies. Cientistas acreditam que a água em sua forma líquida é um ingrediente chave para a vida.

“Uma importante pergunta para nós é ‘estamos sozinhos?’”, disse o cientista Mario Perez, do programa Kepler, em teleconferência com repórteres. “Talvez o Kepler esteja nos dizendo hoje indiretamente... que não estamos sozinhos”.

A Nasa lançou o telescópio Kepler em 2009 para entender se planetas como a Terra são comuns ou raros. Com as análises finais dos dados do Kepler em mãos, cientistas disseram que irão trabalhar agora em responder esta pergunta, em um passo essencial para avaliar a chance de existir vida fora da Terra.

Durante uma missão de quatro anos, o Kepler encontrou 2.335 planetas confirmados e outros 1.699 candidatos, levando sua contagem para 4.034. Este número inclui cerca de 50 planetas que podem ser do mesmo tamanho e temperatura que a Terra.

Incluindo outras pesquisas de telescópios, cientistas confirmaram a existência de cerca de 3.500 planetas além do sistema solar.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters