Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Socorristas carregam um bebê depois que um terremoto atingiu a ilha de Ischia, na Itália 22/08/2017 REUTERS/Antonio Dilaurenzo

(reuters_tickers)

Por Gabriele Pileri e Philip Pullella

CASAMICCIOLA, Itália (Reuters) - Um terremoto atingiu a ilha turística italiana de Ischia na noite de segunda-feira, matando duas pessoas, ferindo dezenas e soterrando três irmãos, incluindo um bebê, que sobreviveram sob os escombros por até 16 horas antes de serem resgatados.

Turistas e moradores da ilha situada no litoral de Nápoles correram para as ruas estreitas depois que o sismo arruinou uma igreja e vários edifícios da ilha, que estava repleta de turistas. Temendo tremores secundários, muitos decidiram ir embora da ilha.

Equipes de resgate encontraram um bebê chamado Pasquale nos destroços e o retiraram de fraldas no início desta terça-feira, sete horas depois do terremoto. Houve um momento de silêncio seguido de muitos aplausos.

Bombeiros encontraram seus irmãos, Mattia e Ciro, de 7 e 11 anos, debaixo de uma cama nas proximidades. Eles conversaram com os meninos e lhes deram água por meio de um tubo.   

"Eu lhes prometi que, depois que aquilo terminasse, iríamos todos comer uma pizza juntos", disse um socorrista à televisão italiana.

Mattia foi resgatado no final da manhã desta terça-feira, e mais tarde foi a vez de Ciro, mais de 16 horas depois da ocorrência do tremor. Seus pais escaparam por estarem em outro quarto.

Equipes de resgate disseram que Ciro provavelmente salvou a vida do irmão empurrando-o para debaixo da cama quando o abalo ocorreu.

"Os socorristas foram ótimos. Realmente temos que agradecer a Deus por este milagre", disse o bispo da ilha, Pietro Lagnese.

Cerca de seis prédios da cidade de Casamicciola, incluindo uma igreja, desmoronaram devido ao terremoto, que aconteceu às 20h57 de segunda-feira (horário local).

As paredes de um prédio vieram abaixo, expondo uma cozinha com a mesa ainda posta para o jantar.

O Instituto Nacional de Geofísica e Vulcanologia da Itália estimou a magnitude em 4,0 depois de avaliá-la inicialmente em 3,6, mas tanto o Serviço Geológico dos Estados Unidos quanto a agência europeia de monitoramento de terremotos o estimaram em 4,3.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters