Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Vista aérea do Coliseu, em Roma. 12/08/2004 REUTERS/Alessandro Bianchi

(reuters_tickers)

ROMA (Reuters) - Terremotos atingiram a Itália na manhã desta quarta-feira, o mais forte de magnitude 5,7, sendo sentidos inclusive na capital Roma e em regiões que foram afetadas por uma série de tremores no ano passado.

Não há relatos imediatos de danos ou feridos.

Segundo o Centro Sismológico Europeu-Mediterrâneo, o tremor mais forte teve magnitude 5,7 e ocorreu 109 quilômetros a nordeste de Roma. Outro tremor de magnitude 5,5 também foi sentido.

O Centro Geológico dos Estados Unidos informou que um terremoto de magnitude 5,3 aconteceu a 104 quilômetros de Roma e a sete quilômetros da cidade de Amatrice, que foi devastada por um poderoso tremor em agosto.

O terremoto de 24 de agosto matou 300 pessoas e destruiu milhares de casas e negócios. Mais de 45 mil tremores secundários afetaram a região desde então, incluindo um tremor de magnitude 6,6 em outubro, o maior na Itália em 36 anos.

(Reportagem de Crispian Balmer)

Reuters