Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

ANCARA (Reuters) - Os resultados iniciais dos testes em vítimas de um ataque que matou dezenas de pessoas na província de Idlib, na Síria, apontam para uma possível exposição ao gás sarin, informou o Ministério da Saúde da Turquia nesta quinta-feira.

Segundo o ministério, 31 pessoas feridas no ataque de terça-feira foram tratadas em hospitais turcos e três pessoas morreram desde que foram trazidas da Síria.

"Com base nos resultados dos testes, as evidências detectadas em pacientes levam a pensar que eles foram expostos a uma substância química (sarin)", disse a pasta em comunicado.

(Reportagem de Ercan Gurses)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters