Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Polícia israelense faz segurança em fronteira com a Palestina 16/06/2017 REUTERS/Ammar Awad

(reuters_tickers)

JERUSALÉM (Reuters) - Forças de segurança israelenses mataram a tiros três palestinos que realizaram ataques que culminaram no ferimento grave de uma policial da fronteira israelense em Jerusalém na sexta-feira, informou a polícia.

Os ataques ocorreram simultaneamente em duas áreas perto do portão de Damasco da antiga cidade murada de Jerusalém.

Dois palestinos foram mortos a tiros depois de abrirem fogo e tentarem esfaquear um grupo de policiais israelenses, disse a polícia. Em outro ponto da região, um palestino esfaqueou uma policial da fronteira, ferindo-a gravemente, antes de ser morto a tiros pela polícia.

Um segundo oficial israelense também foi ferido nos ataques.

Uma onda de ataques de rua por palestinos começou em outubro de 2015, mas desde então diminuiu. Israel culpa a incitação da violência pela liderança palestina.

A Autoridade Palestina, que exerce uma autonomia limitada na Cisjordânia, nega esse papel e diz que os agressores agiram por frustração com a ocupação israelense do território almejado pelos palestinos em conversações de paz, que estão paralisadas desde 2014.

(Reportagem de Ari Rabinovitch)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters