Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, na Assembleia Geral da ONU, em Nova York 19/09/2017 REUTERS/Eduardo Munoz

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - O presidente norte-americano, Donald Trump, não está satisfeito com o acordo sobre o programa nuclear do Irã, mas seu discurso de terça-feira na ONU não foi um sinal de que os EUA deixarão o tratado, afirmou a embaixadora dos Estados Unidos na ONU, Nikki Haley, nesta quarta-feira.

"Não é um sinal claro de que ele planeja se retirar. O que é, é um sinal claro de que ele não está feliz com o acordo", disse Haley, em entrevista à CBS News.

Se os EUA verificarem em outubro que o Irã não está cumprindo com o acordo, o Congresso norte-americano terá 60 dias para decidir se irá impor novamente as sanções contra o país revogadas pelo tratado internacional de 2015.

(Reportagem de Susan Heavey)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters