Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante declaração em Nova York 15/08/2017 REUTERS/Kevin Lamarque

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, criticou nesta quarta-feira a Amazon sobre impostos e empregos, e acusou a varejista global, sem fornecer evidências, de prejudicar cidades norte-americanas e causar perdas de postos de trabalho no país.

As ações da companhia caíam 0,5 por cento, chegando a 978 dólares, antes da abertura das bolsas de valores, após os comentários de Trump sobre a empresa no Twitter.

A Amazon afirma ter mais de 50 mil vagas de trabalho espalhadas pelos Estados Unidos para cumprir as demandas de seus clientes, e no início deste mês realizou diversas feiras de emprego para completá-las.

(Reportagem de Susan Heavey)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters