Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente eleito dos Estados Unidos Donald Trump participa de evento em Hershey, na Pensilvânia 15/12/2016 REUTERS/Lucas Jackson

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - O presidente eleito dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta quinta-feira que o diretor de Inteligência Nacional dos EUA, James Clapper, telefonou para ele para denunciar o relato "falso e fictício" sobre um dossiê que aponta comportamento indecente de Trump na Rússia.

Clapper, em comunicado publicado na quarta-feira, disse ter conversado com Trump durante a noite e disse ter falado ao presidente eleito que não acredita nos vazamentos da mídia do relatório vindo da comunidade de inteligência.

"James Clapper me ligou ontem para denunciar o relato falso e fictício que foi circulado ilegalmente. Fatos criados, mentirosos. Muito ruim!", escreveu Trump em publicação no Twitter.

(Reportagem da Redação de Washington)

Reuters