LONDRES (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, disse nesta terça-feira que o Irã está matando milhares de pessoas por protestar, e cobrou a comunidade internacional a prestar mais atenção à situação.

Os distúrbios no Irã começaram em meados de novembro devido ao aumento dos preços da gasolina, mas rapidamente se tornaram políticos, com manifestantes exigindo a remoção dos principais líderes do país, no que podem ser os maiores protestos antigoverno nos 40 anos de história da República Islâmica.

"O Irã está matando talvez milhares e milhares de pessoas agora, enquanto falamos, é por isso que eles cortam a internet para que as pessoas não possam ver o que está acontecendo", disse Trump durante visita a Londres para uma cúpula da Otan.

"Não são apenas números pequenos que são ruins, números grandes que são realmente ruins e números muito grandes... É uma coisa terrível e o mundo precisa fica de olho".

(Reportagem de Steve Holland)

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.