Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, pediu à União Europeia nesta terça-feira que se junte nas sanções contra o governo do presidente venezuelano, Nicolás Maduro, após uma reunião com o primeiro-ministro da Espanha na Casa Branca.

"Esperamos que nossos amigos na UE em breve sigam os Estados Unidos, o Canadá e muitas nações latino-americanas para impor sanções sobre o regime de Maduro. Precisamos de todos envolvidos", disse Trump em uma coletiva de imprensa na Casa Branca com Mariano Rajoy.

"Os cidadãos da Venezuela têm passado por imenso sofrimento, pobreza, fome e perturbações políticas perigosas sob o regime socialista opressor de Maduro."

(Reportagem de Steve Holland e Doina Chiacu)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters