Reuters internacional

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, e papa Francisco no Vaticano. 24/05/2017 REUTERS/Evan Vucci

(reuters_tickers)

BRUXELAS (Reuters) - Donald Trump considera o papa Francisco "sensacional" e achou as boas-vindas reais "espetaculares" da Arábia Saudita algo "além do que qualquer um já viu".

Brindando autoridades da União Europeia com as impressões que teve até o momento em sua primeira viagem internacional, o presidente dos Estados Unidos foi pródigo em elogios no sétimo dia de sua viagem, que em parte visa tranquilizar seus aliados de que Washington ainda é um parceiro confiável sob o comando do ex-empresário do setor imobiliário e ex-apresentador de reality show.

Indagado pelo presidente da Comissão Europeia, Jean-Claude Juncker, quando iniciaram suas conversas diante de uma bateria de câmeras, se estava cansado, Trump, de 70 anos, respondeu que "cobriu vários países, vários líderes, alguns grandes líderes".

Encorajado pelo presidente do Conselho Europeu, Donald Tusk, que classificou imagens da visita saudita como "espetaculares", Trump disse: "Foi muito espetacular. Não acho que jamais tenha havido algo assim. Acho que foi além do que qualquer um já viu".

Durante uma recepção com o rei Salman, em Riad, no sábado, Trump pareceu se juntar brevemente a homens vestidos com mantos tradicionais que brandiram espadas e dançaram para entreter os líderes.

Depois ele viajou para se encontrar com líderes israelenses e palestinos e esteve em Roma na quarta-feira para se reunir com o governo italiano e com o papa Francisco pela primeira vez.

"Fomos ao papa", contou Trump a Tusk e Juncker. "Muito impressionante. O papa é sensacional".

(Por Alastair Macdonald e Robert-Jan Bartunek)

Reuters

 Reuters internacional