Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente dos EUA, Donald Trump, durante discurso em Washington. 21/03/2017 REUTERS/Carlos Barria

(reuters_tickers)

WASHINGTON (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, irá comparecer à reunião de cúpula de líderes de países da Otan em 25 de maio em Bruxelas, informou a Casa Branca na terça-feira.

A presença de Trump dará ao presidente dos EUA a oportunidade de fazer pressão em sua campanha para que os membros da Otan ampliem seus gastos com defesa para ajudar a dividir os custos da aliança militar.

Trump tem deixado nervosos aliados-chave dos EUA na Europa com suas demandas por aumentos individuais nos gastos com defesa e por suas conversas sobre estabelecer uma aliança com a Rússia para enfrentar militantes do Estado Islâmico.

"O presidente está animado para o encontro com seus colegas da Otan para reafirmar nosso forte compromisso com a Otan, e para discutir questões fundamentais para a aliança, especialmente o compartilhamento de responsabilidades dos aliados e o papel da Otan na luta contra o terrorismo", disse a Casa Branca em comunicado.

Trump receberá o secretário-geral da Otan, Jens Stoltenberg, na Casa Branca em 12 de abril para discutir "como fortalecer a aliança para lidar os desafios à segurança nacional e internacional", acrescentou o comunicado.

(Reportagem de Steve Holland)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters