Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

AMÃ (Reuters) - O presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, tomou uma decisão sobre a estratégia do país para o Afeganistão após um processo de revisão "suficientemente rigoroso", afirmou o secretário de Defesa, Jim Mattis, neste domingo.

Entretanto, Mattis não informou detalhes sobre quando a Casa Branca faria o anúncio ou qual foi a decisão sobre o Afeganistão, onde os combates continuam mais de 15 anos após o Exército norte-americano invadir o país e derrubar o governo Talibã.

Pouco tempo depois de assumir o cargo, em janeiro, a administração de Trump iniciou uma revisão da política norte-americana sobre o Afeganistão, que foi ampliada para uma revisão mais ampla da estratégia no Sul da Ásia.

"Estou muito satisfeito que o processo foi suficientemente rigoroso e que não teve uma posição pré-determinada", disse Mattis aos repórteres a bordo do avião militar a caminho da Jordânia.

"O presidente tomou uma decisão. Ele quer ser a pessoa a anunciar isso para a população americana".

Após Trump se encontrar com seus assessores de segurança, na sexta-feira, para avaliar uma série de opções para a estratégia no país, a Casa Branca havia dito que não havia chegado a uma decisão sobre se enviaria mais tropas para a guerra mais duradoura dos EUA.

Porém Trump tuitou no sábado: "muitas decisões foram tomadas, inclusive sobre o Afeganistão".

Autoridades norte-americanas afirmaram à Reuters que estava previsto que o presidente receberia informações sobre opções que variavam desde a completa retirada das tropas do Afeganistão até um pequeno aumento do efetivo.

(Por Idrees Ali)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters