ANCARA (Reuters) - A Turquia carregou tanques e veículos blindados e enviou-os em comboio para a província turca de Hatay, na fronteira com a Síria, informou a agência de notícias Demiroren.

Foi o segundo dia de presença militar turca reforçada na fronteira perto da província síria de Idlib, a última grande fortaleza rebelde na Síria.

Na sexta-feira, uma fonte da área de segurança turca disse que o exército turco estava movimentando suas forças dentro e fora da região, e se recusou a dizer se a última manobra era uma preparação para operar dentro da própria província de Idlib.

O presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou no mês passado que havia decidido retirar as tropas norte-americanas da Síria.

A decisão injetou uma nova onda de incertezas sobre a Guerra da Síria, que já dura oito anos, e estimulou uma série de dúvidas sobre como será preenchido este vácuo na segurança nas regiões do norte e leste da Síria, onde as forças dos EUA estão estacionadas.

Por um lado, a Turquia pretende prosseguir com sua operação contra as forças curdas que se aliaram aos Estados Unidos e, por outro lado, o governo sírio, apoiado pela Rússia e pelo Irã, vê a chance de recuperar uma enorme fatia do território.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Siga-nos no Instagram

Siga-nos no Instagram

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.