Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, durante reunião na Casa Branca, em Washington 31/10/2017 REUTERS/Kevin Lamarque

(reuters_tickers)

(Reuters) - A conta no Twitter do presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, @realdonaldtrump, foi desativada por um funcionário do Twitter que estava deixando a companhia na quinta-feira e ficou fora do ar por 11 minutos antes de ser restaurada, informou a rede social.

Trump tem 41,7 milhões de seguidores no Twitter e tem feito extenso uso da rede social para enviar mensagens atacando seus oponentes e promovendo suas políticas, tanto durante a campanha presidencial de 2016 quanto desde que assumiu a Presidência em janeiro.

"Nós descobrimos que isso foi feito por um funcionário do suporte ao cliente que fez isso em seu último dia. Estamos conduzindo uma revisão interna completa", disse o Twitter em um tuíte.

"Nós continuamos a investigar e estamos tomando passos para impedir que isso aconteça novamente", acrescentou.

Um representante do Twitter se recusou a fazer comentários adicionais e a Casa Branca não respondeu de imediato a um pedido por comentários.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

Reuters