Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Comboio russo se dirige à fronteira com a Ucrânia perto de Donetsk. 22/08/2014 REUTERS/Alexander Demianchuk

(reuters_tickers)

KIEV (Reuters) - A Ucrânia não vai atacar o comboio russo de caminhões com ajuda humanitária que entrou no território ucraniano, e quer evitar qualquer "provocação", disse o chefe de segurança nacional ucraniano, Valentyn Nalivaychenko, nesta sexta-feira.

"A Ucrânia vai coordenador com o Comitê Internacional da Cruz Vermelha para que nós, Ucrânia, não estejamos envolvidos em (acusações de) provocações de que nós estamos impedindo ou usando força contra os veículos da chamada ajuda", disse ele a jornalistas.

Questionado se a Ucrânia poderia usar ataques aéreos contra o comboio de caminhões que está dentro de território ucraniano controlado pelos rebeldes separatistas, Nalivaychenko disse: "Contra eles, não".

(Reportagem de Natalia Zinets)

Reuters