Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Premiê Theresa May faz campanha em Bradford 5/6/2017 REUTERS/Phil Noble

(reuters_tickers)

LONDRES (Reuters) - A vantagem do Partido Conservador, da primeira-ministra britânica Theresa May, sobre o oposicionista Partido Trabalhista antes da eleição nacional de quinta-feira caiu para apenas 1 ponto, de acordo com pesquisa feita pelo instituto Survation para a ITV e divulgada nesta segunda-feira.

A pesquisa foi realizada na sexta-feira e no sábado, antes do atentado em Londres realizado por militantes islamitas que matou 7 pessoas e feriu 48.

Na pesquisa anterior que o instituto fez para a ITV, publicada há uma semana, os conservadores tinham 6 pontos de vantagem. Mas uma outra pesquisa do Survation, publicada no sábado, também dava 1 ponto de vantagem aos conservadores.

A Survation disse que seu último levantamento dá aos conservadores 41,5 por cento de apoio, contra 40,4 por cento dos trabalhistas, resultado que se concretizado nas urnas prejudicará a liderança dos conservadores no Parlamento.

Pesquisas de outros institutos importantes deram vantagens maiores aos conservadores nos últimos dias, chegando a 11 e 12 pontos.

A pesquisa Survation/ITV desta segunda se baseou em entrevistas com 1.103 pessoas.

(Reportagem de William Schomberg)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.










Reuters