Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Schumacher faz publicidade de graça

Casa de Shumacher em Vufflens-le-Chateau, o estado de Vaud, oeste suíço.

(Keystone Archive)

Além do gordo salário na Ferrari, o tetracampeão da F-1, Michael Schumacher, ganha milhões com o patrocínio de produtos. "Schumi", para os íntimos, mora num vilarejo no oeste da Suíça, onde é atacante do time de futebol local. Melhor ainda: ele anuncia, de graça, uma marca de massas da região.

Os colegas do FC Echichens, no estado de Vaud, tem um atacante e artilheiro famoso no campeonato da quarta divisão amadora. Eles garantem que "Schumi", como chamam o campeão, é uma simpatia e, estando de folga de sua profissão de campeão, não perde treino nem jogo do clube.

Por outra razão, um cidadão do vilarejo vizinho, também tem grande apreço por Schumacher. Raphaël Giannini é dono de uma pequena fábrica de massas e, certa vez, por acaso, viu o piloto comprando grande quantidade de seus produtos num supermercado da região.

Série especial e camisa do time

Escreveu para Schumacher, contou a cena que presenciara e pediu uma "mãozinha" para divulgar as massas "Loretta". Como adorava os produtos, o piloto autorizou, por escrito, o empresário a usar seu nome e sua foto na publicidade até 2005.

O "contrato" ocorreu há dois anos mas só agora foi revelado pela imprensa suíça. 200 toneladas de massas já foram produzidas na série "Seleção Michael Schumacher". Em breve, haverá lançamentos da "Loretta" na Alemanha e na Itália.

O último episódio foi de autoria do próprio "Schumi". Sem avisar Giannini, acertou com os colegas do FC Echichens e mandou inserir a marca de massas no uniforme do time.

swissinfo


Links

×