Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Suíça moderniza passaporte

O atual "passaporte suíço" em 4 línguas nacionais, mais o inglês

(Keystone Archive)

Por medida de segurança e sob pressão americana, a Suíça integra mais elementos eletrônicos em novo passaporte a ser lançado no ano que vem.

O novo passaporte suíço tem apenas 18 anos. A cor vermelha e a cruz branca, símbolos da bandeira nacional - quadrado cortado por uma cruz - foram de fato mantidos no documento 1985, quando se retirou o item "profissão".

Como tem feito com outros países, inclusive o Brasil, os Estados Unidos vêm insistindo na elaboração de um documento internacional de identidade que impeça ou pelo menos dificulte a falsificação. A insistência ganhou força com os atentados terroristas de 11 de setembro, em Nova York e Washington

Novidades

A Suíça atende ao pedido e anunciou novidades no passaporte na segunda-feira, 25/3. Uma delas é que o tamanho do documento será idêntico ao dos passaportes da União Européia. Uma outra, importante, é que a foto que figura no passaporte será escaneada, ou seja, digital.

A maior novidade porém é pela leitura eletrônica o documento dará informações sobre características físicas do dono, no sentido de impedir falsificação. Seria possível incluir atö propriedades da íris, consideradas infalsificáveis.

Nova também é a supressão de fotos dos filhos em passaportes dos pais. A partir de 2003, os filhos, mesmo bebês, terão o próprio passaporte.

Quanto ao cidadão suíço, o que ele vai notar mais é que com a centralização do órgão expedidor do documento, os trâmites para conseguir o passaporte serão mais demorados. Em particular para os suíços do exterior. Um passaporte para adultos custará 120 francos - cerca de € 82. O preço será o mesmo em todo o País.

Eram verdes e marrons

A cor vermelha da capa já é uma tradição que remonta a 1959, quando foi elaborado o quarto passaporte da história suíça.

Vale lembrar que antes de 1915, os documentos suíços de viagem eram cantonais (estaduais), num país em que o federalismo continua ainda limitado. O primeiro passaporte verdadeiro data, de fato, de dezembro daquele ano. Era verde.

Esse primeiro passaporte "nacional" suíço foi substituído em 1932 por um passaporte de cor marrom que durou até 1959. Foi quando se introduziu a cor vermelha, retomada com algumas modificações em 1985.

O novo passaporte tem trunfo adicional: pelo tamanho, é mais prático.

swissinfo

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×