Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Sulzer propõe indenizações a pacientes

(swissinfo.ch)

A empresa suíça quer resolver rapidamente o problema dos milhares de pacientes operados com próteses ortopédicas defeituosas. 1.031 pessoas já entraram com processo nos Estados Unidos.

A imagem da Sulzer Médica já está bastante afetada e a empresa quer solucionar o problema o quanto antes. Para isso, ela encaminhou requerimento ao tribunal de Cleveland (Ohio), nos Estados Unidos, pedindo o agrupamento das queixas num só processo. O Tribunal tem 90 dias para responder.

Por razões de economia, uma fábrica da Sulzer nos Estados Unidos, produziu milhares de próteses de coxo-femural (bacia) e de joelho mal lavadas e, portanto, defeituosas.

Depois de colocadas nos pacientes, elas não se fixam adequadamente e os pacientes precisam ser reoperados. A Sulzer calcula que 4 mil pessoas foram vítimas desse erro. Até 10 de agosto, 2.353 pessoas tinham sido reoperadas, nos Estados Unidos.

Indenizações podem chegar a US 700 milhões

A empresa suíça também fez propostas de indenizações aos pacientes lesados: 97.500 dólares para os que tiveram de ser operados mais de uma vez; 57.500 para os que foram reoperados uma vez e 2.750 dólares para os que não tiveram até agora qualquer problemas com as próteses de bacia e de joelho.

No total, as indenizações podem chegar a US 700 milhões. A Sulzer garante que pode pagar as indenizações, mesmo as que não estão cobertas por seguros. Para isso, afirma em comunicado, a empresa prevê aplicar 50% do lucro líquido anual, se for necessário.

swissinfo com agências


Links

×