Conteúdo principal

Aqui estão os dois primeiras artigos relacionados ao conteúdo principal

Discriminação de gênero Por que as suíças não processam seus patrões?

Poucas mulheres na Suíça processam seus empregadores por discriminação salarial, mesmo tendo um bom motivo. Isso raramente funciona. Nas ...

Mais conteúdos relacionados ao tema

Aqui estão os artigos adicionais além do conteúdo principal

#WeAreSwissAbroad – David Schaffner "Nós, suíços, nos adaptamos muito fácil"

David Schaffner se mudou para a Alemanha para ficar junto com a namorada. Hoje casado, esse suíço do estrangeiro de 25 anos aproveita da vida ...

Locomoção Metade da população suíça viaja meia hora para trabalhar

Nove entre dez trabalhadores na Suíça - ou quatro milhões de pessoas no total – tiveram que viajar para trabalhar no ano passado, a maioria deles ...

Este conteúdo foi publicado em 31 de Janeiro de 2019 10:30

Trabalho pesado Portugueses são os que mais sofrem acidentes de trabalho na Suíça

Os portugueses que vivem na Suíça estão amplamente representados em áreas onde as condições de trabalho são difíceis: construção, restauração, ...

WEF19 Suíços abordam desigualdade de gênero em Davos

À margem do Fórum Económico Mundial, a CEO da IKEA Suiça, Simona Scarpaleggia, falou sobre o que será necessário para o encontro global em Davos ...

Genebra Organização Internacional do Trabalho (OIT) comemora 100 anos de existência

A Organização Internacional do Trabalho (OIT) comemora seu centésimo aniversário. Especialistas refletem sobre a importância dessa agência ...

Valorização do trabalho Profissões de base atraem jovens suíços

No Brasil seria inusitado imaginar um jovem de 18 anos, recém formado, recebendo um salário de mais de R$20 mil para trabalhar como mecânico. Mas ...

Futuro do trabalho Suíça tem o segundo maior número de trabalhadores a tempo parcial da Europa

O trabalho a tempo parcial na Suíça continua a aumentar, com os últimos dados do Departamento Federal de Estatísticas mostrando que mais de um ...

Este conteúdo foi publicado em 17 de Janeiro de 2019 16:32

Mármore de Carrara Bem de luxo ou maldição: o mármore branco de Carrara

O famoso mármore branco de Carrara não é apenas um símbolo de luxo. A pedreira tornou-se um dos locais mais importantes para a extração de ...

"Global Gender Gap Report" Paridade de gênero avança lentamente

A nação alpina subiu uma posição para o 20º lugar no Global Gender Gap Report 2018 do World Economic Forum. Mas, a Suíça ainda mostra grande ...

'potencial negligenciado' Trabalhadores idosos podem suprir escassez de mão-de-obra

A força de trabalho da Suíça está em boa forma, mas talvez não por muito tempo, de acordo com um novo estudo da consultoria Deloitte. O emprego de ...

Novos nômades da economia Os trabalhadores sazonais estão de volta, em um número muito maior que antes

Muito contestado, o estatuto do trabalhador sazonal foi abolido oficialmente na Suíça em 2002. Desde então, no entanto, o número dos vistos de ...

Na fonte A Suíça gosta de se diferenciar também nos impostos

Em 1º de janeiro de 2019, a Suíça se tornará o último país da Europa a usar a tributação e o recebimento diferido do imposto de renda. Apesar das ...

Mercado de trabalho As suíças estão confinadas ao trabalho parcial

Na Suíça, seis em cada dez mulheres que trabalham são empregadas em meio expediente. Uma taxa quase recorde na Europa, devido à dificuldade de ...

Funcionários robôs Dois terços dos suíços veem inteligência artificial como ameaça ao emprego

Só 34% dos suíços acreditam que seus empregos não correm risco de serem automatizados, de acordo com uma pesquisa encomendada pela Sociedade Suíça ...