Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Volkswagen respeitou concorrência

Importar de outro país deixou de ser rentável, segundo a Comco

(Keystone)

A empresa alemã não violou a lei dos cartéis na Suíça. A conclusão é da Comissão da Concorrência (Comco) que encerrou um inquérito, após dois anos de investigações, sem adotar qualquer sanção contra a Volks.

A Comissão da Concorrência (Comco) suspeitava que a Volkswagen impedisse suas concessionárias estrangeiras de vender carros da marca para clientes suíços. Alguns anos atrás, os carros novos eram bem mais baratos na Itália, por exemplo.

No entanto, a Comco não constatou qualquer ação ilícita da empresa alemã e encerrou o inquérito sem tomar medidas punitivas. As investigações permitiram constatar também que a diferença de preços, no setor automobilístico, entre a Suíça e os países vizinhos está diminuindo muito nos últimos anos, tornando inviáveis as importações paralelas.

A queda dos preços dos carros na Suíça vem ocorrendo devido medidas de liberalização do setor, segundo a Comco. A Comissão prossegue outro inquérito no setor contra a empresa francesa Citroën, suspeita de impedir a venda de veículos entre concessionárias instaladas em dois países diferentes.

swissinfo com agências

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.