Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Cancellara é tricampeão mundial no contrarrelógio





O suíço Fabian Cancellara venceu nesta quinta-feira (24/9) a medalha de ouro na prova contra o relógio do Campeonato Mundial de Ciclismo de Estrada, em Mendrisio, no sul do país.

Ele conquistou seu terceiro título mundial na modalidade, depois de 2006 (Salzburgo) e 2007 (Stuttgart), com uma vantagem de 1min27 sobre o sueco Gustav Erik Larsson e 2min30 sobre o alemão Tony Martin.

Desde as primeiras pedaladas no circuito de 16,6 km, a ser percorrido três vezes, ficou evidente que os concorrentes do campeão olímpico do ano passado e vencedor da Volta da Suíça 2009, só disputariam as medalhas de prata e bronze.

Correndo "em casa", Cancellara, da equipe SaxoBank, enfrentou os maiores contrarrelogistas do mundo como se fosse de um outro planeta e dominou a competição.

Ele foi o segundo atleta da elite masculina do ciclismo a iniciar o percurso de 49,8 km entre as montanhas do sul da Suíça. Após apenas 18 km já alcançou o vice-campeão olímpico Larsson, que havia largado um minuto antes.

"Corrida sensacional"

Com uma velocidade média de 51,6 km/h, Cancellara pedalou rumo à linha de chegada, onde foi ovacionado pelo público. Desde 1994, o suíço detém o recorde de velocidade nessa modalidade.

"É um dia maravilhoso. Foi uma corrida sensacional", disse Cancellara, que também vê chances de conquistar uma medalha na prova de estrada, num percurso de 262,2 km, no próximo domingo. "Agora preciso me recuperar, daí posso pensar na próxima tarefa".

O alemão Bert Grabsch (Columbia), que também era cotado como favorito, não conseguiu defender o título conquistado em 2008. Ele ficou em décimo lugar. Já seu conterrâneo Tony Martin, revelação da Volta da França, voltou a surpreender e conquistou a medalha de bronze.

Magno Nazaret (Fapi/Funvic/Pindamonhangaba), melhor brasileiro na última Volta de São Paulo, ficou em 46° lugar, de um total de 66 ciclistas que terminaram a corrida.

O português Sérgio Paulinho – campeão nacional de contrarrelógio em 2008 – terminou a prova em 26°, seu compatriota Tiago Machado, em 54°.

Na quarta-feira (23/9), Nelson Oliveira conquistou medalha de prata no Mundial de Ciclismo de Estrada, em Mendrisio. O português foi o segundo colocado no contrarelógio na categoria Sub-23.

O Brasil particicipa do Mundial com dez atletas. Nesta sexta-feira (26/9), as ciclistas Clemilda Fernandes, Uênia Fernandes, Rosane Kirch e Flavia Oliveira participarão da prova de estrada na elite feminina, enquanto Rafael Andriato, Carlos Manarelli e Gideoni Monteiro irão pedalar na categoria Sub-23.

Geraldo Hoffmann, swissinfo.ch (com agências)

Fabian Cancellara

Fabian Cancellara nasceu em Wohlen (perto de Berna), em 1981. Seu apelido, nos meios ciclistas, é "Espártaco".

Campeão júnior na prova contra-relógio, o ex-aprendiz de eletricista profissionalizou-se em 2001, integrando-se na equipe Mapei. Entre 2003 e 2005 correu para a Fassa Bortolo e, em 2006, transferiu-se para a equipe CSC.

Atleta de 186 cm e 80 kg, Cancellara sobressai-se em provas contra-relógio (bicampeão do mundo), nas competições clássicas de um dia e nas endiabradas chegadas de etapas de corridas, quando se destaca do pelotão lançado em alta velocidade.

Atleta com 1.86 de altura e 80 quilos de peso, Cancellara sobressai-se nas provas contra-relógio (bicampeão mundial), nas competições clássicas de um dia e nas disputadíssimas chegadas das etapas de corridas, quando se destaca do pelotão, lançado em alta velocidade.

Principais vitórias

Volta da França: 3 vitórias de etapa

Mundial contra o relógio: 2 medalhas de ouro e 1 de bronze

Campeonato da Suíça de Estrada: 1 de prata

Campeonato da Suíça contra o relógio: 6 vezes ouros e 1 vez bronze

Milão-São Remo (2008)

Paris-Roubaix (2006)

Tirreno-Adriático (2008)

Olimpíadas 2008: ouro no contra o relógio e bronze na prova de estrada



Links

×