Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

1° de agosto Suíça comemora seu "aniversário"

Existem rituais tradicionais que são particularmente estimados pelas pessoas. O "histórico" 1° de agosto, o Dia Nacional da Suíça, é um deles. Uma festa comemorada com salsichões grelhados, decorada com lampiões com a cruz suíça, fogos de artifício e discursos em todas as partes do país e nas associações suíças no exterior.

Os políticos atravessam a Suíça para lembrar os valores, as conquistas e os desafios que o país enfrenta. A presidente Simonetta Sommaruga fará seu discurso de 1° de agosto no lendário prado Rütli, localizado acima do Lago de Lucerna.

É um dia de confraternização, seja em casa, em lugares públicos, nas margens dos lagos e rios ou em uma fazenda com o tradicional “brunch” do 1° de agosto. Em vários lugares do país é possível assistir aos tradicionais lançadores de bandeiras, os coros de iodelei e trompa alpina. E, em alguns cantos, o hino do país é cantado pelos poucos suíços que sabem todos os versos.