Direto para o contenido
Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Avião solar


Solar Impulse 2 pronto para continuar sua volta ao mundo


Por swissinfo.ch


 Outras línguas: 2  Línguas: 2

O avião solar suíço Solar Impulse 2 está agora em “modo de missão", na expectativa de decolar do Havaí, onde está desde julho de 2015, rumo à América do Norte.

Solar Impulse 2 durante um vôo de manutenção no Havaí em março de 2016 (Keystone)

Solar Impulse 2 durante um vôo de manutenção no Havaí em março de 2016

(Keystone)

"Depois de substituir as baterias superaquecidas e realizar alguns voos de manutenção, a equipe está agora entrando novamente em ‘modo de missão’, e a partir de amanhã irá identificar a primeira janela favorável para o voo de Bertrand Piccard para a América do Norte, apesar das condições atuais do tempo difíceis", disse um comunicado da equipe Solar Impulse na quinta-feira.

O avião pousou no Havaí em 3 de julho de 2015, após quebrar um recorde de voo de cinco dias e noites (117 horas e 52 minutos) no ar e cerca de 8900 km do Japão. No entanto, a longa viagem teve seus efeitos e o avião sofreu danos na bateria devido ao superaquecimento.

Ele permaneceu aterrado no aeroporto Kalaeloa durante o inverno do hemisfério norte. Entre fevereiro e meados de abril, 13 voos de teste foram realizados para garantir o bom funcionamento do sistema de refrigeração para as baterias recém-integrado.

Aproximação flexível

A equipe está à procura de uma janela de tempo bom antes de anunciar a hora exata da partida. Até o próximo destino não havia sido finalizado.

Com base na experiência adquirida no ano passado, foram consideradas uma série de opções para garantir um voo bem sucedido.

Quatro destinos potenciais incluem Phoenix, a área de San Francisco, Los Angeles e Vancouver. O tempo vai determinar onde o avião acabará aterrissando.

A missão irá continuar rumo a New York, Europa, ou o Norte da África, e Abu Dhabi, de onde o avião iniciou sua volta ao mundo.

swissinfo.ch

Direitos Autorais

Todos os direitos reservados. O conteúdo do site da swissinfo.ch é protegido por direitos autorais. Ele é destinado apenas para uso privado. Qualquer outro uso do conteúdo do site além do uso acima estipulado, especialmente no que diz respeito à distribuição, modificação, transmissão, armazenagem e cópia, requer a autorização prévia por escrito da swissinfo.ch. Caso você esteja interessado em algum desses tipos de uso do conteúdo do site, entre em contato conosco através do endereço contact@swissinfo.ch.

No que diz respeito ao uso para fins privados, só é permitido o uso de hyperlink para um conteúdo específico e para colocá-lo no seu próprio site ou em um site de terceiros. O conteúdo do site da swissinfo.ch só poderá ser incorporado em um ambiente livre de publicidade sem quaisquer modificações. Especificamente aplicável a todos os softwares, pastas, dados e seus respectivos conteúdos disponibilizados para download no site da swissinfo.ch, uma licença básica, não exclusiva e não transferível é concedida de forma restrita a um único download e gravação de tais dados em dispositivos privados. Todos os outros direitos permanecem sendo de propriedade da swissinfo.ch. Em especial, proíbe-se qualquer venda ou uso comercial desses dados.

×