Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

meteorologista medieval


Explosão de boneco prevê verão suíço




 Outras línguas: 2  Línguas: 2

Um ritual realizado na primavera em Zurique, que consiste em explodir a cabeça de um boneco de neve, prevê como será o verão na Suíça.

Quanto mais rápido a cabeça do Böögg explode, mais quente será o verão (Keystone)

Quanto mais rápido a cabeça do Böögg explode, mais quente será o verão

(Keystone)

O “Böögg", como é chamado o boneco, é colocado em cima de uma enorme fogueira em Zurique, enquanto a multidão aguarda o momento em que sua cabeça explode. Quanto mais rápido ela explode, mais quente será o verão. Este ano, ela levou 43 minutos e 34 segundos, um recorde de lentidão e o presságio de muita chuva no verão.

A tradição, que acontece todo ano no mês de abril, serve para expulsar o inverno e saudar a primavera. Ela deriva de uma época em que os trabalhadores rurais podiam celebrar as noites mais curtas e a chegada do tempo mais ameno.

As previsões meteorológicas do Böögg nem sempre são confiáveis, como muitas outras atuais.


A fogueira é acesa às 6 da tarde. É precedida pela procissão “Sechseläuten”, onde membros das confrarias de Zurique desfilam pela cidade a cavalo ou a pé, geralmente em trajes tradicionais, jogando presentes para a multidão que alinha as ruas.

Esse ano, cerca de 3500 membros das antigas corporações de artesãos e convidados ilustres participaram do desfile. Embora o tempo chuvoso tenha espantado alguns espectadores, muitos ainda acabaram assistindo ao espetáculo, que é transmitido ao vivo pela televisão.

2016 também foi o primeiro ano em que o “aprendiz de Böögg”, Lukas Meier, fez seu próprio boneco. Ele ajudou durante sete anos o mestre fazedor de Bööggs, Heinz Wahrenberger, para aprender a construir essa figura essencial da tradição de Zurique.


Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

×