Direto para o contenido
Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Idoso e pobre


A terceira idade abaixo da linha da pobreza


Incorporar

Mais de 16% dos habitantes da Suíça acima dos 65 anos são classificados como pobres. (SRF/RTS/Julie Hunt, swissinfo.ch)

Essa é a conclusão do Pro Senectute, um grupo de interesse da terceira idade, e do recém-publicado Global AgeWatch Index, um índice que se baseia em dados das Nações Unidas, Banco Mundial, Organização Mundial do Trabalho e o instituto de pesquisas de opinião Gallup.

Essa realidade existe em contraste com o fato da Suíça ter o terceiro maior PIB do mundo.

Todos os aposentados recebem uma pensão do sistema previdenciário público. Muitos também recebem aposentadorias de fundos de pensão das empresas. Mas existem também os que necessitam de uma ajuda adicional para sobreviver: no final de 2014 eram 193 mil aposentados, número que corresponde a 12.4% de todos os aposentados do país.

As prestações suplementares possibilitam uma vida digna. Todavia os aluguéis e as taxas públicas aumentaram 20% desde 2001 e a ajuda não foi ajustada para equiparar a diferença. Atualmente o Parlamento helvético discute o futuro da ajuda complementar para os aposentados.