Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Aposentadoria


Reforma da previdência toma forma




O aumento do número de aposentados na Suíça vem colocando a previdência do país sob pressão. O Parlamento suíço discute agora uma reforma para o sistema. Entre as medidas propostas, o aumento da idade da aposentadoria das mulheres.

As mulheres também terão que trabalhar até os 65 anos para receber a aposentadoria de base completa (Keystone)

As mulheres também terão que trabalhar até os 65 anos para receber a aposentadoria de base completa

(Keystone)

A chegada gradual à idade da aposentadoria da chamada “geração baby boomer” aumentou as despesas do sistema previdenciário e a pressão financeira sobre a população ativa. Há 50 anos, havia dez ativos por dois aposentados. Hoje, há quase três aposentados para dez ativos e até 2030 essa proporção deve ser de quatro por dez, de acordo com as previsões.

Essa evolução representa um problema de financiamento para a previdência pública. Até 2030, a aposentadoria básica pode sofrer um défice anual de cerca de 8 bilhões de francos. Os fundos de pensões profissionais também sentem os efeitos financeiros do aumento da expectativa de vida e dos baixos rendimentos do mercado.

 (swissinfo.ch)
(swissinfo.ch)

Assim, o financiamento das pensões será um problema para as gerações futuras e uma reforma é necessária. As duas câmaras do congresso suíço decidiram aprovar o projeto que visa passar a idade da aposentadoria das mulheres de 64 para 65 anos, como acontece atualmente para os homens.

Tanto a Câmara quanto o Senado concordam também em diminuir as pensões da previdência profissional, o chamado “segundo pilar” do sistema previdenciário suíço, através de uma redução na taxa de conversão de 6,8 a 6%. Nesse caso, para cada 100.000 francos poupados no fundo de pensão, o aposentado terá direito a uma renda anual de 6000 francos, em vez de 6800.

Os parlamentares suíços acabaram aceitando um princípio de freio ao endividamento público. Especificamente, é um mecanismo que passa automaticamente a idade da aposentadoria para 67 anos, se as finanças da previdência de base afundarem no vermelho.

A transição para 67 anos, até agora, é uma espécie de tabu, já que os suíços se manifestaram repetidamente contra tal projeto.

Reconhecendo isso, os parlamentares decidiram apresentar esta proposta em uma decisão separada, de modo a não comprometer toda a reforma por causa deste ponto específico.

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.


Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

×