Direto para o contenido
Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Rio-2016


Mountainbiker ganha 3ª medalha de ouro para a Suíça


Por Alexande Thoele e agências


Ele chegou em terceiro lugar nos JO de Pequim em 2008, segundo em Londres 2012 e finalmente em primeiro na Rio-2016: o mountainbiker suíço Nino Schurter, que chegou a bater na trave duas vezes. Foi a 50ª medalha de ouro da Suíça na história dos Jogos Olímpicos de Verão.

Momento de emoção na prova masculina de mountain bike, quando o ciclista suíço Nino Schurter passa na frente do espanhol Carlos Coloma, em 21 de agosto de 2016. (Agência Brasil)

Momento de emoção na prova masculina de mountain bike, quando o ciclista suíço Nino Schurter passa na frente do espanhol Carlos Coloma, em 21 de agosto de 2016.

(Agência Brasil)

Nino Schurter já havia perdido para o tcheco Jaroslav Kulhavy nas Olimpíadas de Londres em 2012. Desta vez, no Rio de Janeiro, o ciclista suíço conseguiu dar o troco no adversário. Na pista de mountain bike, no Parque Radical, em Deodoro, ele sagrou-se campeão olímpico pela primeira vez na carreira ao concluir o percurso em uma hora, 33 minutos e 28 segundos.

Nino Schurter e Jaroslav Kulhavy dominaram a prova quase o tempo todo. Na segunda das sete voltas, os dois ciclistas abriram uma grande vantagem em relação aos outros competidores. Na disputa direta, o suíço garantiu na penúltima volta o direito ao ouro. O ciclista tcheco preferiu assegurar a prata ao invés de arriscar tudo na arrancada desenfreada pelo bicampeonato olímpico. No final, Jaroslav Kulhavy fez o percurso em uma hora, 34 minutos e 18 segundos. E a medalha de bronze foi para o espanhol Carlos Coloma Nicolas, que chegou logo depois de Kulhavy, com uma hora, 34 minutos e 51 segundos.

Entrevistado pela imprensa brasileira, Nino não escondeu a tensão que sentia antes da prova. "Não pensei sobre as últimas corridas ou preparação, mas fizemos o possível para essa corrida. Antes de começar, estava um pouco nervoso com os pneus, com a pressão, estava com um pouco de dúvida, mas tinha minha equipe, que me ajudou muito."

Ao subir no pódio para receber a medalha de ouro, o mountainbiker conquistava a 50a. medalha de ouro da Suíça nos Jogos Olímpicos de Verão e a terceira na Rio-2016. O ciclista Fabian Cancellara recebeu a primeira e depois, a equipe de quatro remadores. No balanço final, a Suíça teve sete medalhas (duas de prata e duas de bronze), três a mais do que nos JO de Londres 2012 e o mesmo que em Pequim 2008.

O jornal suíço NZZ publicou um gráfico que explica em quais modalidades esportivas a Suíça ganhou mais medalhas desde os primeiros Jogos Olímpicos modernos em 1896. Resultado: o atletismo. 

O ciclismo mountain bike é disputado em Jogos Olímpicos desde 1996. As provas são disputadas no formato cross country, com múltiplas voltas. O primeiro ciclista a completar todas as voltas e cruzar a linha de chegada vence a corrida. Como a prova é de longa duração, os ciclistas podem receber garrafas de água ou energético a cada volta, além de pequenos lanches na "zona de alimentação".

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

Direitos Autorais

Todos os direitos reservados. O conteúdo do site da swissinfo.ch é protegido por direitos autorais. Ele é destinado apenas para uso privado. Qualquer outro uso do conteúdo do site além do uso acima estipulado, especialmente no que diz respeito à distribuição, modificação, transmissão, armazenagem e cópia, requer a autorização prévia por escrito da swissinfo.ch. Caso você esteja interessado em algum desses tipos de uso do conteúdo do site, entre em contato conosco através do endereço contact@swissinfo.ch.

No que diz respeito ao uso para fins privados, só é permitido o uso de hyperlink para um conteúdo específico e para colocá-lo no seu próprio site ou em um site de terceiros. O conteúdo do site da swissinfo.ch só poderá ser incorporado em um ambiente livre de publicidade sem quaisquer modificações. Especificamente aplicável a todos os softwares, pastas, dados e seus respectivos conteúdos disponibilizados para download no site da swissinfo.ch, uma licença básica, não exclusiva e não transferível é concedida de forma restrita a um único download e gravação de tais dados em dispositivos privados. Todos os outros direitos permanecem sendo de propriedade da swissinfo.ch. Em especial, proíbe-se qualquer venda ou uso comercial desses dados.

×