Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Suíços do estrangeiro França e Alemanha principais destinos dos expatriados

A diáspora suíça no mundo está maior do que nunca. Quase um suíço em dez vive no exterior: 774.923 cidadãos registrados até o final de 2016. A maioria reside na Europa, especialmente na França, Alemanha, Reino Unido e Espanha.

Suíços do estrangeiro: o clima é um dos fatores determinantes para viver em outro país.

(Keystone)

A diáspora suíça no mundo mais do que duplicou em relação a 1980.

Com uma comunidade suíça de cerca de 200.730 pessoas, a França é o país que atrai a maioria dos expatriados suíços. Na Alemanha vivem 89.390 suíços. 

O destino preferido dos suíços é a França. Pela primeira vez viviam por lá mais de 200 mil cidadãos. A Alemanha também é um destino preferencial: 90 mil pessoas, seguido pelos EUA, com 80 mil e Itália, com mais de 50 mil suíços registrados.

Gráfico 2

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

chart

Forte crescimento em Portugal e Turquia

No ranking dos dez países de preferência: Canadá (40.280 pessoas), Grã-Bretanha (35.000), Espanha (25.000), Austrália (25.000), Israel (19.500) e Áustria (16.500). Segundo o ministério suíço das Relações Exteriores (EDA), também houve um crescimento da colônia de suíços em Portugal (+8,7%) e Turquia (+8,6%). 

Gráfico 1

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

Gráfico 1

Mulheres como migrantes

Mais da metade dos emigrantes suíços maiores de idade são mulheres. A diferença em relação aos homens cai continuamente. Em relação à estrutura etária, a situação de Israel é marcante: cada segundo suíço é menor de idade. Já na Espanha a situação é diferente: um terço dos suíços que emigram para o país têm mais de 65 anos de idade. Na Tailândia essa faixa etária corresponde a um quarto.

Três de quatro suíços do estrangeiro tinham em 2016 a dupla nacionalidade (ou até um terceiro passaporte). No total, mais suíços partem do que retornam à Suíça.

Você deixou a Suíça para outro país? Conte-nos um pouco sua experiência nos comentários abaixo.


Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.