Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Asilo Prover abrigo de emergência

As autoridades suíças estão encontrando soluções nada convencionais em sua luta para encontrar alojamento adequado para abrigar um número crescente de requerentes de asilo.

Resistência local e uma escassez de alojamento adequado mostram como é difícil acolher os requerentes de asilo. A fim de abrigar os recém-chegados por períodos curtos, os cantões e os municípios têm recorrido a uma gama de imóveis incomuns, como bunkers militares subterrâneos, contêineres, tendas do exército, hospitais, uma antiga estação de bombeiros e até mesmo um palacete campestre.

O serviço de imigração suíço prevê acolher 29.000 requerentes de asilo em 2015, um aumento em relação aos últimos anos, mas um número abaixo dos picos dos anos 90. No entanto, a Secretaria Federal de Migrações advertiu recentemente os 26 cantões (estados) do país que é possível que eles venham a ter que acomodar mais gente. Segundo as autoridades federais, até 1.150 pessoas por semana podem ser alojadas nos cantões - um aumento de 15%.

A Suíça se comprometeu em participar de um programa da União Europeia para realocar os refugiados que fogem do conflito na Síria. Em uma primeira etapa, a Suíça vai aceitar 1.500 refugiados, na condição que eles estejam inscritos como candidatos a asilo na vizinha Itália ou na Grécia. O governo também está disposto a considerar até 5.000 refugiados adicionais ao longo dos próximos dois anos.

(Fotos: Keystone)

Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.