Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Criado primeiro inventário de teleféricos

Por


O teleférico entre Zweisimmen e Rinderberg, nos Alpes bernenses, entrou em operação em 1957.

O teleférico entre Zweisimmen e Rinderberg, nos Alpes bernenses, entrou em operação em 1957.

(RDB)

O governo suíço acaba de publicar o primeiro inventário de teleféricos e um grande número de imagens. Para Jean-Frédéric Jauslin, responsável pelo Departamento Federal de Cultura, a Suíça é o país dos teleféricos.

O inventário oferece um panorama completo não apenas dos teleféricos, mas também dos funiculares, trens que operam através de cabos subterrâneos.

Jauslin ressalta que, por razões técnicas, os funiculares nem sempre foram considerados ideais para levar turistas aos Alpes. "O primeiro funicular turístico no mundo foi inaugurado em 1879 para levar os turistas do lago de Brienz ao hotel Giessbach Hotel", explica.

O diretor do Departamento Federal de Cultura ainda lembra que esse tipo de transporte foi negligenciado e que agora chegou a hora de corrigir a falha.

Oliver Martin, vice-chefe da seção de patrimônio cultural e monumentos históricos no mesmo órgão, concorda. "Com a ascensão do turismo no século 19, os turistas passaram a chegar à Suíça cada vez mais por trem. Depois o objetivo era levá-los às montanhas sem esforço."

Para isso tentou-se primeiramente utilizar cremalheiras, mas como os trajetos eram muito íngremes para esse tipo de trem, os funiculares foram desenvolvidos e, posteriormente, os teleféricos. "O desenvolvimento do turismo na Suíça teve uma grande influência no desenvolvimento tecnológico dos teleféricos nas montanhas", acrescenta.

Patrimônio 

"Esse inventário é, definitivamente, um dos nossos maiores patrimônios", comenta Urs Eberhard, diretor na Suíça Turismo, órgão oficial do país.

"A Suíça é o berço do turismo de aventura. As regiões remotas, as belezas naturais da Suíça se tornaram acessíveis através de centenas de teleféricos. Alguns dizem que o país é como um grande parque de diversões repleto de passeios, sendo que uma boa parte deles deve-se aos vários teleféricos."

E a utilidade deles? "Quando decidimos declarar 2010 como o ano das caminhadas ecológicas, muitas das nossas sugestões e trilhas propostas utilizavam os teleféricos para facilitar a subida e o acesso aos destinos", diz e acrescenta. "Nós escolhemos e damos sugestões para facilitar a vida dos turistas. Se possível, sempre escolhemos conexões de teleféricos. Também temos pacotes especiais como o 'Bähnlisafari' na Suíça central." (ver link na coluna direita)

Meio de transporte 

Oliver Martin lembra ainda que os teleféricos são, ao mesmo tempo, importantes para manter o acesso às montanhas. "Não devemos esquecer que muitos deles existem para permitir o acesso a áreas remotas de agricultura ou facilitar o acesso às usinas elétricas nos Alpes. Desse ponto de vista, os teleféricos eram e são uma forma muito importante de transporte público na Suíça."

O vice-chefe da seção de patrimônio cultural e monumentos ainda lembra que a Suíça pode orgulhar-se de ter sido responsável por grande parte dos desenvolvimentos técnicos e culturais realizados no transporte teleférico.

"Por exemplo, o primeiro teleférico turístico em 1879 no Hotel Giessbach e, um pouco mais tarde, Grindelwald construiu o primeiro teleférico exclusivo para transporte de pessoas em 1908. Em 1934, foi a vez do primeiro teleférico de esqui em Davos", lembra. "Em 1945 foi desenvolvida a primeira cadeira que podia ser desacoplada do cabo e também diminuir a velocidade, para facilitar o embarque e desembarque."

O inventário também lista uma série de inovações recentes que são consideradas excepcional ou particularmente inovadoras do ponto de vista tecnológico. "Existem muitas invenções inovadoras da indústria helvética, sendo que elas continuam a ocorrer", afirma Martin.

O inventário também foi disponibilizado em um livro ricamente ilustrado ou pode ser acessado através do link na coluna da direita.

Teleférico

Em linhas gerais, Teleférico (Figura 1) refere-se a qualquer transporte aéreo, de pessoas ou materiais, por meio de um cabo ou cabos. Esses cabos podem ser fixos (cabo-carril), sobre os quais se deslocam os rodados das suspensões pertencentes às cabines, ou podem ser postos em movimentos a partir de estações terminais.

No caso de se transportar materiais a pequenas distâncias com débitos horários reduzidos usa-se preferencialmente teleféricos de cabo único (monocabo), o qual actua como cabo “motor” e “portador”. (Texto: Wikipédia em português)

Aqui termina o infobox


Adaptação: Alexander Thoele, swissinfo.ch


Links

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×