Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Encontrado corpo de menina desaparecida desde final de julho

Ylenia havia desaparecido quando voltava da piscina.

(Keystone)

Desaparecida dia 31 de julho no cantão de Appenzell, o corpo da garota de cinco anos e meio foi encontrado sábado no cantão de St-Gallen. Sua identificação é praticamente certa.

O corpo foi descoberto por um passante na manhã de sábado (15) não muito longe do local onde o raptor de Ylenia se suicidou.

É praticamente certo que o corpo encontrado sábado (15) por volta do meio-dia no bosque de Hartmann, perto de Oberbüren, a cerca de 20 km a oeste de St-Gallen, norte da Suíça, é o da garota Ylenia, de cinco anos e meio, desparecida desde 31 de julho no cantão vizinho de Appenzel.

Foi o que declarou o comandante da polícia de St-Gallen, Bruno Fehr, durante coletiva à imprensa no final da tarde de sábado.

O desparecimento da menina havia suscitado grande emoção não apenas na região mas em todo o país. Buscas de grandes proporções foram feitas, em vão, em toda a região, dias depois do desaparecimento, inclusive no bosque em que o corpo foi encontrado.

De acordo com a polícia, o local da descoberta do cadáver, suas características gerais e diversas peças e bijoterias encontradas demonstram que trata-se de Ylenia. Os exames médico-legistas deverão estar concluídos até terça-feira. próxima.

O corpo foi descoberto sábado por particular no bosque de Hartmann, entre
Oberbüren e Niederwil, perto da localidade de Gossau. O corpo teria sido danificado por animais.

Yelenia foi vista pela última vez na manhã de 31 de julho perto da piscina de Appenzell e, depois disso, era tida como desaparecida. A polícia havia admitido que um homem de 67 anos, de nacionalidade suíça, viajando com uma perua com placa espanhola, raptara a menina.

No dia do rapto, o homem foi encontrado morto em uma floresta perto de Oberbüren. Ele se suicidou com um tiro na cabeça depois de ter ferido um outro homem de 46 anos, que teria testemunhado o rapto da garota.

Foram feitas análises de ADN de diversos indícios e a polícia concluiu que Ylenia hava sido transportada no veículo. Perto do local onde o homem se suicidou foram encontrados a mochila e o capacete de ciclista que a garotinha usava quando de seu desaparecimento quando voltava da piscina.

O sexagenário havia morado na Suíça e depois mudado para a Espanha com sua esposa.

O bosque de Hartmann onde os restos mortais da menina foram encontrados sábado havia sido vasculhado pela polícia, em vão, nas primeiras buscas logo depois do desaparecimento da menina.

swissinfo com agências


Links

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.

swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

×

Destaque