Como as estações de esqui mantêm sua neve

Para enfrentar as mudanças climáticas, as estações de esqui suíças estão apresentando novas maneiras de conservar a neve e até de criar mais. (SRF/swissinfo.ch)

Este conteúdo foi publicado em 07. novembro 2017 - 13:31
swissinfo.ch

A temporada de esqui vem se tornando mais curta nos últimos 45 anos, de acordo com um estudo de 2016 do WSL Institute for Snow and Avalanche Research e da Universidade de Neuchâtel. Eles descobriram que a neve agora chega em média 12 dias atrasada no outono e derrete cerca de 25 dias mais cedo na primavera, em relação a 1970. Como resultado, as estações tiveram que encontrar formas de manter sua neve para garantir a sobrevivência do turismo de esqui.

A temporada de inverno de Andermatt começa esta semana, graças a um novo método para preservar a neve da última temporada. A região de esqui de Sörenberg, na Suíça central, tem novos teleféricos que levam os visitantes a encostas ainda mais altas, onde as condições de neve são mais confiáveis, enquanto isso, os responsáveis das ferrovias na região de Aletsch, no cantão do Valais, querem criar um novo lago para fornecer água para os canhões de neve na parte mais alta dos Alpes.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo