Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Prazo para saída de kosovares será mantido

Cerca de 30 mil refugiados de Kosovo ainda estão na Suíça. A segunda fase do plano de ajuda ao regresso termina dia 28 e apenas 4.308 pessoas se inscreveram. A prazo para o regresso de todos os kosovares refugiados da guerra vai até 31 de maio.

Estados e governo federal concordam com o prazo fixado até 31 de maio para o regresso voluntário dos kosovares que chegaram à Suíça antes do final de 1999. Até esse prazo, os refugiados podem beneficiar-se de um programa de ajuda ao regresso ao país, com ajuda financeira do governo suíço. A Suíça recebeu, ao todo, 50 mil pessoas de Kosovo.

Na primeira fase desse programa de ajuda, 19 mil pessoas voltaram da Suíça para Kosovo. Na segunda fase, atualmente em execução, 4.308 pessoas estão inscritas e 1508 já regressaram ao país, segundo o Ministério da Justiça, em Berna. Essa fase vai até 28 de abril e os inscritos recebem mil francos suíços por adulto e 500 francos por criança, como ajuda ao retorno.

A partir de 31 de maio, a Suíça vai forçar o regresso das pessoas que não aderirem aos programas de ajuda ao regresso. O acordo dos estados é necessário porque são eles os responsáveis pela aplicação, por exemplo, das ordens de expulsão do país.


swissinfo com agências.

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.