Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

As raízes suíças do Juventus e do Torino




Eles se chamavam Alfred Dick e Edoardo Bosio. Os dois empresários suíços quase anônimos levaram no século 19 a paixão do futebol para Turim, na Itália.

A energia e a organização deles ajudaram a criar o FC Juventus e o FC Torino.

Todo mundo sabe que o futebol é o esporte número um dos italianos. Agora poucos sabem que essa paixão surgiu, em grande parte, graças à dedicação de empresários estrangeiros. No final do século 19 eles fundaram as primeiras equipes do país.

No Piemonte, região situada ao norte da Itália, a história dos dois clubes FC Juventus e o FC Torino estão intimamente ligadas aos nomes de dois suíços: Alfred Dick e Edoardo Bosio. O jornalista Marco Traverso explicou à jornalista da swissinfo.ch em um local histórico no centro de Turim a aventura deles.

O mito do banco 

"A lenda fala que o Juventus foi criado em 1897 por alguns estudantes do Liceo classico Massimo d'Azeglio, em um banco", conta Traverso. "A escola é um símbolo para a classe alta de Turim, onde personalidades como o escritor Primo Levi, o poeta Cesare Pavese ou o editor Giulio Einaudi estudaram."

Dentre os fundadores estavam também os industriais suíços Alfred Dick e Edoardo Bosio, cujas famílias fundaram respectivamente a primeira cervejaria de Turim e um dos mais conhecidos processadores de algodão no Piemonte. "Parece que o Edoardo Bosio não trouxe da Inglaterra apenas a paixão pelo futebol - que no início era apenas uma variação do rugby - mas também uma bola de couro, um objeto quase desconhecido na Itália nessa época."

Já Alfred Dick não foi apenas um dos cofundadores do Juventus Turin, mas de 1905 até 1906 também presidente do clube. Nisso ele permitiu aos portadores da "Bianconeri", como a camiseta branca e preta do clube é conhecida (mas que no passado era rosa) a jogar no Velodrom Umberto I..

"Na época muitos dos jogadores de futebol eram suíços de origem, sejam empresários ou funcionários da fábrica de algodão ou de outras fábricas. Porém atividades esportivas eram um privilégio de uma pequena elite. Nesse tempo não existia ainda a ideia de atletas profissionais ou de alto desempenho como conhecemos hoje em dia", acrescenta Traverso.

FC Torino: uma divisão 

Em 1906, o Juventus Turin disputou a final no campeonato com o AC Milão. Os "Bianconeri", que vinham de fora para jogar em Milão, recusaram-se a entrar no campo. Eles acusavam os anfitriões de terem estragado o gramado. O Juventus perdeu o jogo e também o título.

"Esse episódio provocou muita briga nas lideranças do clube. Então o Alfred Dick decidiu abandonar o Juventus para fundar outro clube de futebol. Na tarde de 3 de dezembro de 1906 nasceu então em um bar o legendário FC Torino. Os fundadores decidiram escolher o vermelho escuro, em homenagem ao clube genebrino Servette", lembra Marco Traverso.

Para atuar como presidente do novo clube, os fundadores escolheram outro empresário suíço: Hans Schoenbrod. Ele era considerado como um "jogador de potencial limitado, mas um líder apaixonado", escreve o site do FC Torino.

"Diversos jogadores suíços acompanharam Alfred Dick nessa nova aventura como, por exemplo, Friedrick Bolinger e Walter J. Streule e que, graças à sua presença física e visão de jogo, era visto por muitos como o protótipo do jogador moderno de futebol", diz.

Também na atualidade já houve e ainda existem jogadores suíços trajando as camisetas do Torino e Juventus: Blerim Dzemaili jogou no Torino e Stephan Lichtsteiner também teve uma atuação destacada no Juventus. "No verão de 2011 o Juventus quase comprou o Gökhan Inler do Udinese, porém o acordo fracassou no último minuto depois que o Napoli fez uma  oferta melhor."

Não só futebol 

Os pontos em comum entre a Suíça e o esporte na região do Piemonte não se limita apenas ao futebol. "Já em 1844, graças à iniciativa do suíço Rodolfo Obermann, foi fundado a Società ginnastica Torino (hoje em dia, Reale ginnastica), a primeira sociedade de ginástica desse tipo na Itália", lembra o engenheiro Franco Schellenbaum, ex-presidente da Associação de Suíços do Estrangeiro na Itália.

Obermann chegou em 1834 em Turim a convite do rei Carlo Alberto como professor de ginástica na Academia Militar. "O rei admirava os métodos de treinamento da Guarda Suíça na corte de Savóia e queria aplicá-los ao exército da Sardenha."

Dentre outras, graças à Società ginnastica Torino, o Parlamento italiano aprovou o ensino obrigatório de ginástica nas escolas do país. Assim o esporte que era considerado elitista se popularizou.

Na lista dos esportes praticados por suíços na região do Piemonte não pode ser esquecido o esqui. Adolfo Kind, que chegou em 1891 em Turim, ainda hoje é considerado um dos pioneiros do esporte. Como apaixonado pelas montanhas, ele fundou em 1901 o primeiro cube de esqui da Itália em Turim. Cinco anos depois abria a primeira cabana de montanha em Sportinia.

Juventus

Juventus Futebol Clube (em latim: iuventus, pronunciado: juˈvɛntus), também conhecido como Juventus de Turim ou simplesmente Juventus, é um dos grandes clubes de futebol italiano.
 
Embora não se use no Italiano a letra "J", o clube tem seu nome começando com tal letra, pois a mesma existe e é bem usada em Piemontês.
 
Fundado no dia 1 de novembro de 1897, o Juventus é o clube de futebol mais bem-sucedido da Itália, com 11 títulos internaciois e sétimo no mundo com o maior número de reconhecido pela UEFA e FIFA.

O Juventus é considerado pela IFFHS como o melhor clube italiano do século XX e segundo na Europa entre 1901 e 2000. (Texto: Wikipédia em português)

FC Torino

O Torino Football Club é um clube de futebol italiano, com sede em Turim. Foi fundado em 3 de dezembro de 1906 na Cervejaria Voigt, em Turim, por membros do extinto FC Torinese e dissidentes da Juventus. Seu rival na cidade é a Juventus, com quem compartilha os estádios da cidade, o Delle Alpi e o Olímpico.

O Torino usa camisa grená, calção branco e meias pretas, daí seu apelido ser 'Il Granata' ou 'Il Toro'. O clube usou o nome AC Torino até 1970. Ficou como Torino Calcio entre 1970 a 2005. Quando ressurgiu, rebatizou-se como Torino FC.
 
Segundo pesquisa do Instrituto Doxa em 2003, o Torino teria a 8ª maior torcida italiana, com 1,9% da preferência dos torcedores italianos, o que equivaleria a 1.098.200 torcedores. (Texto: Wikipédia em português)


Adaptação: Alexander Thoele, swissinfo.ch



Links

×