Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Solar Impulse 2


Avião solar recordista volta à Suíça




Incorporar

O avião suíço Solar Impulse 2 voltou para a Suíça depois de terminar seu voo ao redor do mundo. (Carlo Pisani, swissinfo.ch)

O avião percorreu mais de 40.000 km em 16 meses, tornando-se o primeiro avião movido a energia solar a voar ao redor do planeta sem o uso de combustível.

Solar Impulse 2 deixou Abu Dhabi em 9 de março de 2015 e retornou em 26 de julho de 2016, completando o recorde de circum-navegação com 550 horas no ar.

Em sua viagem, o avião solar parou em 17 destinos. Más condições climáticas e problemas técnicos com as baterias prenderam o avião no solo no Havaí de julho de 2015 a abril de 2016.

Na terça-feira (22), o Solar Impulse 2 voltou ao aeroporto militar de Dübendorf, no cantão de Zurique, depois de ser transportado de Abu Dhabi por um avião de carga 747.

O projeto tinha um orçamento total de 170 milhões de francos suíços. Entre os vários parceiros do projeto Solar Impulse está o governo suíço, que concedeu o uso de duas bases aéreas.

Até à data, o projeto marcou uma série de primícias e realizações com a energia solar, incluindo o primeiro voo noturno, o primeiro voo intercontinental, o primeiro cruzamento oceânico, a maior distância e duração. E o piloto suíço André Borschberg realizou o voo solitário mais longo, ficando no ar por mais de 117 horas.


Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.