Direto para o contenido
Your browser is out of date. It has known security flaws and may not display all features of this websites. Learn how to update your browser[Fechar]

Transversal ferroviária alpina


Os números impressionantes do novo túnel do São Gotardo




Qual o ponto em comum entre o novo túnel de base do São Gotardo e as Olimpíadas de Londres de 2012? Ou o Empire State Building, em Nova York? Um mês antes da sua inauguração, swissinfo.ch apresenta os números extraordinários do túnel ferroviário mais longo do mundo.

Os últimos testes no túnel antes da abertura oficial no dia 1º de junho (SBB/Gian Vaitl)

Os últimos testes no túnel antes da abertura oficial no dia 1º de junho

(SBB/Gian Vaitl)

A espera foi longa. 17 anos para ser mais preciso. Hoje a contagem regressiva entra em sua fase final. Em exatamente um mês, em 1° de junho de 2016, será oficialmente aberto o túnel de base do São Gotardo. O evento reunirá parlamentares nacionais e estrangeiros, ministros, chefes de Estado e de Governo e representantes de organizações internacionais.

Como uma das principais ligações ferroviárias através dos Alpes, o novo túnel é o mais longo do mundo: 57 km cavados na rocha da montanha. Mas o tamanho não é o único número que impressiona nessa obra faraônica.

 (swissinfo.ch)
(swissinfo.ch)

Entre as várias fases da realização do túnel, uma data específica entrou na história: 15 de outubro de 2010. Naquele dia, nas entranhas da terra, entre Sedrun e Faido, o tatuzão, a perfuradora do túnel, tombou a última cortina de rocha do tubo do São Gotardo. Eram 14:17 e a Suíça tinha acabado de completar a perfuração do túnel ferroviário mais longo do mundo. Um recorde que deve permanecer ainda por alguns anos.

 (swissinfo.ch)
(swissinfo.ch)


Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

Direitos Autorais

Todos os direitos reservados. O conteúdo do site da swissinfo.ch é protegido por direitos autorais. Ele é destinado apenas para uso privado. Qualquer outro uso do conteúdo do site além do uso acima estipulado, especialmente no que diz respeito à distribuição, modificação, transmissão, armazenagem e cópia, requer a autorização prévia por escrito da swissinfo.ch. Caso você esteja interessado em algum desses tipos de uso do conteúdo do site, entre em contato conosco através do endereço contact@swissinfo.ch.

No que diz respeito ao uso para fins privados, só é permitido o uso de hyperlink para um conteúdo específico e para colocá-lo no seu próprio site ou em um site de terceiros. O conteúdo do site da swissinfo.ch só poderá ser incorporado em um ambiente livre de publicidade sem quaisquer modificações. Especificamente aplicável a todos os softwares, pastas, dados e seus respectivos conteúdos disponibilizados para download no site da swissinfo.ch, uma licença básica, não exclusiva e não transferível é concedida de forma restrita a um único download e gravação de tais dados em dispositivos privados. Todos os outros direitos permanecem sendo de propriedade da swissinfo.ch. Em especial, proíbe-se qualquer venda ou uso comercial desses dados.

×