Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

25 anos da greve de mulheres 14 de junho foi um dia especial

"Quando as mulheres querem, tudo pode parar". Essa era o lema da greve de mulheres organizada há 25 anos. Dez anos depois que a igualdade dos sexos foi incluída na Constituição suíça, as mulheres suíças exigiam que seus direitos fossem colocados em prática. A mobilização foi enorme: aproximadamente 500 milhões de mulheres foram às ruas para tornar clara suas exigências.

Trabalhadoras, acadêmicas, funcionárias públicas, mães e donas-de-casa de todas as regiões do país participaram de diversas ações e protestaram contra a demora de aplicação das leis de igualdade. A greve terminou ocorrendo exatamente no mesmo ano dos festejos de 700 anos de existência da Confederação Suíça.

Depois de um longo e acirrado debate no Parlamento federal, finalmente a Lei de igualdade dos sexos entrou em vigor em 1996. Porém ainda hoje as mulheres recebem, em média, 15% menos do que os homens. Em 14 de junho muitas irão às ruas para defender seus direitos.

(Fotos: Keystone, Texto: Gaby Ochsenbein, swissinfo.ch) 

As mulheres ainda precisam lutar pelos seus direitos? Dê a sua opinião.


Neuer Inhalt

Horizontal Line


Teaser Instagram

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

Suas perguntas se transformam em nossas matérias

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.