Navigation

Primeiro "pódio suíço" nas Olimpíadas desde 1936

Jolanda Neff abraça as companheiras de equipe Sina Frei (8), que ganhou a prata, e Linda Indergand (19), que ganhou o bronze, na linha de chegada da competição feminina de mountain bike cross-country nas Olimpíadas 2020. Copyright 2021 The Associated Press. All Rights Reserved

Jolanda Neff liderou uma histórica conquista suíça de medalhas no torneio olímpico feminino de mountain bike no Japão.

Este conteúdo foi publicado em 27. julho 2021 - 12:15
swissinfo.ch/fh

Neff, ex-campeã mundial da categoria, agarrou uma bandeira suíça ao cruzar a linha de chegada ao conseguir sua primeira medalha de ouro das Olimpíadas, na terça-feira. "Parece um sonho e espero não acordar tão cedo", disse Neff, que sofreu uma ruptura no baço em 2019 e quebrou a mão há seis semanas.

Sina Frei cruzou em segundo lugar e Linda Indergand completou o domínio suíço ao conquistar o bronze.

A última vez que uma nação levou ouro, prata e bronze em um evento de ciclismo olímpico foi em 1904, quando os americanos venceram um torneio de pista agora extinto.

Da esquerda para a direita: Sina Frei, Jolanda Neff e Linda Indergand comemoram durante a cerimônia de entrega das medalhas na terça-feira. Keystone / Christopher Jue

É a primeira vez que três mulheres suíças se apresentam juntas em um pódio olímpico. A última vez que três homens suíços conseguiram a façanha foi em Berlim, há 85 anos. O ginasta artístico Georges Miez (o mais bem sucedido ginasta olímpico suíço com quatro medalhas de ouro, três de prata e uma de bronze) foi acompanhado por Josef Walter (prata) e Eugen Mack (bronze).

Georges Miez nos Jogos Olímpicos de 1932 em Los Angeles. Miez é o maior sucesso olímpico da Suíça. Keystone / Str

Doze anos antes, em 1924, foram também os ginastas Josef Wilhelm, Jean Gutweniger e Antoine Rebetez que deram à Suíça uma tripla vitória no cavalo com alças.

A comparação mais próxima ao sucesso das ciclistas na era pós-guerra é o triunfo quádruplo dos esquiadores suíços no Campeonato Mundial de Esqui de 1987 em Crans-Montana. Peter Müller liderou o caminho à frente de Pirmin Zurbriggen, Karl Alpiger e Franz Heinzer. Nos Jogos Olímpicos, entretanto, até mesmo os esquiadores suíços falharam em ocupar um pódio.

Até mesmo conseguir mais de uma medalha na mesma competição é raro para a Suíça. A última vez que duas suíças subiram ao pódio nas Olimpíadas de Verão foi em 2000: Brigitte McMahon (ouro - ela depois testou positivo para EPO e se retirou) e Magali Messmer (bronze) no triatlo feminino. Para os homens foi em 1952, novamente na ginástica.

É também apenas a nona vez na história olímpica que uma nação se destaca em uma prova feminina. A última de uma, duas e três foi alcançada pelos EUA em 2016, nos 100m de obstáculos.

Em conformidade com os padrões da JTI

Em conformidade com os padrões da JTI

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Participe da discussão

Partilhar este artigo

Modificar sua senha

Você quer realmente deletar seu perfil?