Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Doce História Fábrica de chocolate Cailler comemora 200 anos

A Cailler lançou no domingo as festividades que marcarão seu bicentenário. Foi de fato em 1819 que a marca de chocolate mais antiga da Suíça ainda em operação havia sido criada.

Logo Cailler sur un bâtiment

O logotipo da Cailler na entrada da fábrica em Broc, na região de Gruyère, no cantão de Friburgo

(Keystone)

Apesar de quantidades significativas de chocolate ainda sairem de suas cadeias, o local de produção em Broc também se tornou uma das principais atrações turísticas da Suíça.

Batizado de "200 anos de prazer compartilhado", o jubileu foi lançado no domingo, 10 de fevereiro, na fábrica de chocolate Cailler em Broc, no cantão de Friburgo.

Localisation Maison Cailler

Carte de géographie

Este primeiro evento aconteceu na forma de um festival público sob o signo da magia do chocolate no cinema. Três atores - Julie Dawn Cole, Rusty Goffe e Blair Dunlop - que participaram em adaptações cinematográficas do famoso romance infantil "A Fantástica Fábrica de Chocolate", estiveram presentes para uma sessão de autógrafos.

Aventura industrial

A marca Cailler foi criada em Vevey, no cantão de Vaud, por François-Louis Cailler (1796-1852). Após as dificuldades iniciais - principalmente uma falência em 1826 - o negócio da família gradualmente se desenvolveu ao longo do século XIX. As coisas tomam outra dimensão durante o último quartel do século XIX, quando a empresa Cailler se especializa em chocolate ao leite, cuja receita foi inventada em 1875 pelo suíço Daniel Peter, marido de uma filha de François-Louis Cailler.

A empresa decolou mesmo em 1898, quando Alexandre-Louis Cailler, neto do fundador, abriu uma nova fábrica de chocolate em Broc, no cantão de Friburgo. Na época, o lugar é escolhido porque os pastos e riachos da região de Gruyère forneciam duas coisas essenciais para a produção em larga escala de chocolate ao leite: energia e leite de qualidade em abundância.

Camion de lait au milieu des champs

Os caminhões da Cailler vão coletar o leite diretamente dos produtores da região

(Keystone)

Sob a liderança da empresa Cailler, o chocolate se torna um produto industrial produzido em massa. Algumas décadas antes, o chocolate ainda era um produto bastante amargo e caro, vendido em farmácias ou mercearias e servido a uma clientela abastada na forma de uma bebida fortificante - em suma, uma espécie de remédio.

Em 1929, a Maison Cailler, já unida à empresa Peter & Kohler desde 1911, passou a fazer parte do grupo Nestlé. A gigante alimentícia mantém a marca Cailler e seu local de produção de Broc.

Meca Turística

Hoje, a fábrica de Broc ainda está em operação e emprega 300 pessoas. Mas mais do que uma fábrica, o lugar agora é mais conhecido por ser um dos melhores pontos turísticos da Suíça.

Lançado em 2010 no local da fábrica, a "Maison Cailler" oferece aos visitantes uma imersão no mundo do chocolate através de um circuito que começa com a reconstrução de um templo asteca e um galeão espanhol, para lembrar as origens mexicanas do chocolate. O passeio continua através de salas que contam a saga da família Cailler, a organização do mercado de grãos de cacau ou o funcionamento de uma linha de produção de chocolate. O passeio termina com uma degustação gratuita dos produtos Cailler. Os mais aficionados também podem se inscrever em uma "oficina de chocolate" e fazer seus próprios bombons.

Publicité pour la Maison Cailler

Vidéo publicitaire pour la Maison Cailler

Os números de visitas mostram que esta fórmula atrai um público amplo, tanto suíço como estrangeiro. Várias centenas de milhares de visitantes - 408.067 em 2017 - chegam todos os anos à Broc. A "Maison Cailler" está entre os dez pontos turísticos mais populares da Suíça e é um dos principais locais da Suíça francesa, bem à frente ao Castelo de Chillon, no cantão de Vaud.


A história do chocolate suíço

Cailler é o mais antigo fabricante de chocolate da Suíça. No entanto, descansar sobre os louros não é uma opção para a indústria do chocolate: a inovação é uma obrigação. Uma retrospectiva do passado mostra os marcos da história do chocolate suíço. Foi no início do século 20 que o chocolate conquistou o mundo. (SRF/swissinfo.ch)


Adaptação: Fernando Hirschy, swissinfo.ch

Palavras-chave

Neuer Inhalt

Horizontal Line


subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.