Johnny Depp deve vir ao Festival de Cinema de Zurique

O ator norte-americano Johnny Depp deve se juntar a outras estrelas convidadas do festival, como a atriz francesa Juliette Binoche e o alemão Til Schweiger. Keystone / Vickie Flores

O Festival de Cinema de Zurique divulgou seu programa e a lista de convidados VIP que irão fazer a graça do Tapete Verde em Zurique. Este é o primeiro festival internacional de cinema a ser realizado presencialmente com uma programação completa em salas de cinema desde que a pandemia começou.

Este conteúdo foi publicado em 11. setembro 2020 - 14:57
Keystone-SDA/jdp

O Festival de Cinema de Zurique prova o velho ditado: o espetáculo deve continuar. Mesmo durante o confinamento na primavera passada, os organizadores do festival descartaram o cancelamento de sua 16ª edição, que acontecerá de 24 de setembro a 4 de outubro. Os organizadores disseram que o festival terá um "extenso plano de proteção" para garantir o cumprimento das diretrizes federais de saúde e segurança.

Ao ir adiante com um evento físico, o diretor do festival Christian Jungen disse que o festival serve como "um farol de otimismo, não apenas para o público em geral, mas também para a indústria cinematográfica e eventos culturais". Ele acrescentou que "o vírus estará por perto por algum tempo, temos que aprender a viver com ele e continuar a seguir nossas paixões".

O festival exibirá 165 filmes de 47 países, 23 dos quais em estréia mundial (primeira exibição), 11 em estréia internacional (primeira exibição fora do país de produção) e quatro com suas primeiras exibições europeias. Isto inclui filmes como "80.000 Schnitzel" de Hannah Schweier (Alemanha) e o filme suíço "Wanda, mein Wunder" de Bettina Oberli.

A participação das diretoras mulheres ultrapassa 50% nas competições de filmes. "Isto reflete a nova situação na indústria cinematográfica", disse Jungen.

O festival também tem uma seleção de oito filmes que destacam as pessoas que lutam contra as convenções sociais. A estréia internacional do documentário "O Dissidente" acontecerá como parte desta seção em 2 de outubro - o segundo aniversário do assassinato do jornalista saudita Jamal Khashoggi.

Chão de estrelas

O ator americano Johnny Depp planeja vir a Zurique para apresentar seu mais recente trabalho, desta vez como co-produtor. "Crock of Gold": A Few Rounds with Shane McGowan" será exibido em uma sessão de gala. O documentário, que será exibido pela primeira vez em um país de língua alemã, conta a história da banda folk-punk irlandesa The Pogues.

Os fãs que conseguirem um dos cobiçados ingressos para o Tapete Verde também terão a chance de ver o ator alemão Til Schweiger e as atrizes francesas Juliette Binoche e Maïwenn. Os três - junto com o cineasta suíço Rolf Lyssy e a britânica Olivia Colman, vencedora do Oscar - estão entre os vencedores dos prêmios Golden Eye.

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

Partilhar este artigo