Navegação

Menu Skip link

Funcionalidade principal

Pavilhão original na exposição de Hanover.

Um pavilhão que surpreende na Expo 2000

(Keystone)

O pavilhão suíço na exposição universal de Hanover que se inaugura quinta-feira, 1 de junho, surpreende pela sua originalidade. Trata-se de um verdadeiro labirinto que inspira tranquilidade e paz.

A primeira surpresa do visitante é que essa casa um tanto especial feita com duas toneladas de madeira - tirada de 1500 árvores, lárice e pinho silvestre - traz um odor gostoso justamente dessa madeira.

O curioso é que o pavilhão suíço de Hanover não leva prego nem parafuso. O conjunto é sustentado por um sistema de barras e molas de aço.

O visitante não acha vídeoteipe nem foto divulgando "alpagens" (pastagens alpinas no verão), nem lagos ou produtos suíços. O que o arquiteto Peter Zumthor quis transmitir é sossego, cheiro de madeira e as harmonias de um pavilhão imaginado como um grande instrumento de música.

Não faltam no local músicos para acolher convidados dos 4 cantos do mundo, gentilmente recebidos, a quem oferecem guloseimas e vinhos refinados.

Quanto ao arquiteto Zumthor, ele quis apresentar na mostra uma Suíça "lúdica, elegante e estimulante".

A Comissária geral da Exposição Universal, Birgir Breuel, derrama-se em elogios e descreve o pavilhão suíço como um dos "musts" de Hanover.

A exposição que se inicia dia 1° de junho vai até outubro.

Michel Verrier / adapt. J.Gabriel Barbosa

Neuer Inhalt

Horizontal Line


swissinfo.ch

Banner da página Facebook da swissinfo.ch em português

subscription form

formulário para solicitar a newsletter

Assine a newsletter da swissinfo.ch e receba diretamente os nossos melhores artigos.