Planos de aposentadoria são a maior causa de rugas para os suíços

Os eleitores na Suíça estão preocupados com a aposentadoria - em particular, se o sistema de previdência do estado garantirá que eles possam viver confortavelmente seus anos dourados. 

swissinfo.ch com agências
A Previdência preocupa 44% dos eleitores suíços. Keystone/EPA/SIimela Pantzartzi


No Barômetro de Preocupação Credit Suisse (Credit Suisse Worry Barometer) deste ano, 44% dos entrevistados disseram que estavam nervosos com a sustentabilidade do sistema previdenciário suíço, enquanto 24% disseram que essa é a questão política mais urgente. É a primeira vez desde 2003 que o desemprego não se encontra no topo da lista de preocupações suíças.

"A tendência é que a aposentadoria se torna um tema que moldará o clima social", observou Lukas Golder, co-diretor da gfs.bern, que prepara o barômetro desde 1995.

"A rejeição da Reforma da Previdência 2020 no referendo realizado após a conclusão desta pesquisa pouco ajudou para aliviar as preocupações. Esse sentimento coloca forte pressão sobre a política e sobre o governo para criar soluções de compromisso sustentáveis ​​para a sociedade".

O desemprego ocupou o segundo lugar no barômetro de preocupação deste ano. Outras preocupações importantes foram estrangeiros e integração, saúde e seguro de saúde, e o status dos acordos bilaterais com a União Européia.

O barômetro foi calculado com dados de uma pesquisa entre 1.000 eleitores suíços em junho e julho de 2017.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo