Perspectivas suíças em 10 idiomas

Multas às empresas suíças no exterior serão dedutíveis do imposto

cash
Os bancos suíços têm recebido altas multas desde a crise do crédito hipotecário de alto risco (subprime) de 2008. © Keystone / Christian Beutler

As penalidades financeiras impostas no exterior aos bancos ou empresas suíças serão condicionalmente dedutíveis a partir de 1º de janeiro de 2022.  

Na quarta-feira, o Conselho Federal que governa o país decidiu quando a Lei Federal sobre o Tratamento Tributário das Sanções Financeiras entrará em vigor. O Parlamento aprovou a lei em junho, levando em conta que as sanções impostas no exterior também podem ter motivação política. Além disso, as multas impostas no exterior muitas vezes totalizam bilhões de dólares, enquanto que na legislação suíça, as sanções são geralmente da ordem de milhões. 

Embora as multas impostas na Suíça não sejam dedutíveis, aquelas pronunciadas no exterior serão, contanto que as sanções sejam contrárias à política pública suíça ou que a empresa penalizada possa provar que foram feitos todos os esforços para agir de acordo com a lei. 

Pagamentos ilegais como subornos, propinas e comissões pagas a pessoas físicas não serão dedutíveis de impostos e serão tratados em igualdade com a lei penal. Além disso, as despesas que permitem a prática ou reparação de um delito também não serão dedutíveis nos impostos. 

A pressão para legislar sobre esta questão veio após a crise dos subprimes em 2008. Vários bancos suíços foram multados pesadamente pelos tribunais americanos. Muitas empresas tentaram fazer passar essas penalidades como custos comerciais que poderiam ser deduzidos dos impostos. 

Mas a mais alta corte suíça foi de outra opinião. Em uma decisão proferida em 2016, concluiu que as multas e outras penalidades financeiras de natureza criminal impostas a pessoas jurídicas não eram dedutíveis de impostos. No mesmo ano, o Conselho Federal apresentou seu projeto de legislação para criar uma base legal para tais deduções fiscais. 

Mostrar mais

Notícias

Imagem

Mostrar mais

Mercado brasileiro de café atrai Nestlé

Este conteúdo foi publicado em Por meio de sua marca Nescafé, a empresa está focando especialmente nas necessidades e desejos do mercado jovem.

ler mais Mercado brasileiro de café atrai Nestlé
Imagem

Mostrar mais

FIFA abre portas para sair da Suíça

Este conteúdo foi publicado em A entidade máxima do futebol internacional lançou as bases formais para uma saída teórica de sua sede em Zurique.

ler mais FIFA abre portas para sair da Suíça
Imagem

Mostrar mais

Suíça introduz banco de dados para passageiros aéreos

Este conteúdo foi publicado em A Suíça planeja introduzir um banco de dados para os passageiros de voos para coletar e processar dados pessoais em uma tentativa de combater o terrorismo e crimes graves.

ler mais Suíça introduz banco de dados para passageiros aéreos
Imagem

Mostrar mais

Gel suíço pode curar embriaguez

Este conteúdo foi publicado em Um gel recém-desenvolvido composto de proteínas de soro de leite decompõe o álcool no corpo e pode reduzir seus efeitos nocivos e intoxicantes em humanos.

ler mais Gel suíço pode curar embriaguez
bondinho

Mostrar mais

Bondinhos suíços bombaram no inverno 2023-2024

Este conteúdo foi publicado em Na temporada de inverno até o final de abril de 2024, as operadoras de bondinhos e teleféricos transportaram 3% mais visitantes em comparação com o inverno anterior e 5% a mais do que a média de cinco anos.

ler mais Bondinhos suíços bombaram no inverno 2023-2024
rio

Mostrar mais

Suíça investirá 1 bi para evitar enchentes no Reno

Este conteúdo foi publicado em Como parte de um acordo internacional com a Áustria, o governo suíço quer investir CHF 1 bilhão (US$ 1,1 bilhão) em medidas de proteção contra enchentes ao longo do Reno nas próximas três décadas.

ler mais Suíça investirá 1 bi para evitar enchentes no Reno

Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Mostrar mais: Certificação JTI para a SWI swissinfo.ch

Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch.

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR

SWI swissinfo.ch - sucursal da sociedade suíça de radiodifusão SRG SSR