Navigation

Skiplink navigation

UE e acordo sobre clima são as principais prioridades para 2020

A conclusão de um acordo-quadro com a União Europeia está entre as metas do governo para 2020, diz o presidente da Suíça Ueli Maurer.

Este conteúdo foi publicado em 04. dezembro 2019 - 10:55
Desde 2014, foram realizadas várias reuniões para formalizar as relações entre Berna e Bruxelas, atualmente abrangidas por cerca de 120 acordos bilaterais distintos Keystone

Na apresentação das metas na quarta-feira (4), Maurer disse que uma solução deve ser encontrada para que o caminho bilateral possa ser continuado. Ele disse que a Suíça continuaria os esforços no próximo ano "com vistas à conclusão de um acordo institucional" com a UE.

+ O que é o acordo-quadro com UE?

Em 2018, o então presidente Alain Berset estabeleceu o mesmo objetivo para este ano. Mas o Governo acabou decidindo não assinar um novo acordo-quadro para substituir os vários acordos bilaterais com a UE.   

Apesar de considerar o resultado das negociações globalmente positivo, o órgão executivo solicitou esclarecimentos sobre vários pontos. 

Mudanças climáticas  

O governo também incluiu as mudanças climáticas e a digitalização como novas prioridades. 

No ano que vem, segundo Maurer, a Suíça quer adotar uma estratégia climática de longo prazo que esteja em linha com o acordo de Paris sobre o clima e aproveite ao máximo as suas próprias oportunidades. 

O governo vai chamar a atenção do parlamento para vários projetos legislativos, incluindo a reforma dos fundos de pensão profissionais



Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo