Navigation

Tempestade mata mulher turista no lago de Genebra

Uma mulher morreu enquanto andava de barco no Lago de Genebra no sábado à tarde devido a uma tempestade violenta que atingiu a região.

Este conteúdo foi publicado em 17. junho 2019 - 07:15
Depois de um começo ensolarado, os participantes da regata Bol d'Or tiveram que brigar contra a tempestade durante a etapa final da competição © Keystone/ Valentin Flauraud

Tempestades violentas atingiram a Suíça francesa no final da tarde de sábado, particularmente em Genebra. A chuva, juntamente com granizo, caiu em grandes quantidades e foi acompanhada por rajadas violentas.

Uma mulher em uma pequena embarcação morreu durante a tempestade quando afundou na costa do porto de La Belotte, em Vésenaz. Os danos foram aparentemente causados pela violenta tempestade, informou a polícia cantonal de Genebra à noite.

Um homem que estava no mesmo barco, conseguiu nadar até o porto e levantar um alerta ao lançar sinalizadores de emergência. Três policiais e barcos de bombeiros chegaram ao local. A mulher foi encontrada na água não longe do porto pelos socorristas. Ela foi imediatamente transportada pelo serviço de helicóptero da REGA para o hospital em Genebra, onde a polícia relatou sua morte.


A tempestade causou sérios danos na região de Genebra, com os serviços de bombeiros e resgate sendo submergidos por ligações de árvores caídas, enchentes e percalços em embarcações. Eles tiveram que responder a mais de 500 incidentes.

No vizinho território francês da Haute-Savoie, uma turista alemã de 51 anos morreu. Ela foi esmagada por uma árvore que caiu em sua van, desenraizada em torno das cinco horas da manhã pela tempestade.


Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Os comentários do artigo foram desativados. Veja aqui uma visão geral dos debates em curso com os nossos jornalistas. Junte-se a nós!

Se quiser iniciar uma conversa sobre um tema abordado neste artigo ou se quiser comunicar erros factuais, envie-nos um e-mail para portuguese@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.