Navigation

Índia anuncia missão tripulada ao espaço em 2022

O premier indiano discursa em Nova Délhi no Dia da Independência afp_tickers
Este conteúdo foi publicado em 15. agosto 2018 - 11:36
(AFP)

A Índia enviará uma missão tripulada ao espaço em 2022, anunciou nesta quarta-feira o primeiro-ministro indiano, Narendra Modi, em discurso à nação.

"A Índia enviará ao espaço um homem ou uma mulher em 2022, antes se possível", declarou Modi em um longo discurso pronunciado em Nova Délhi no Dia da Independência.

A Índia será o quarto país, depois da Rússia, Estados Unidos e China, a realizar esta façanha científica e tecnológica, destacou o primeiro-ministro conservador.

O governo indiano aumentou nos últimos 10 anos os investimentos no programa espacial, iniciado na década de 1960.

A Organização Indiana de Pesquisa Espacial (ISRO, na sigla em inglês) anunciou nesta terça-feira que em 2019 enviará uma missão não tripulada à Lua.

Em 2014, a Índia colocou uma sonda em órbita ao redor de Marte.

Em fevereiro de 2017, a ISRO estabeleceu um recorde ao colocar, com sucesso, 104 satélites em órbita com apenas um foguete.

Este artigo foi automaticamente importado do nosso antigo site para o novo. Se há problemas com sua visualização, pedimos desculpas pelo inconveniente. Por favor, relate o problema ao seguinte endereço: community-feedback@swissinfo.ch

Partilhar este artigo

Participe da discussão

Com uma conta SWI, você pode contribuir com comentários em nosso site.

Faça o login ou registre-se aqui.