Conteúdo externo

O seguinte conteúdo vem de parceiros externos. Nós não podemos garantir que esse conteúdo seja exibido sem barreiras.

O presidente da Autoridade Palestina, Mahmud Abbas

(afp_tickers)

O presidente palestino, Mahmud Abbas, exigiu nesta terça-feira que Israel acabe "imediatamente" com a operação aérea iniciada na segunda-feira à noite contra a Faixa de Gaza.

Abbas pediu à comunidade internacional que "atue imediatamente para deter a perigosa escalada que poderia provocar mais destruição e instabilidade na região", afirma um comunicado.

O presidente Abbas destacou que os palestinos fizeram apelos aos dirigentes árabes para que pressionem Israel para deter a ofensiva aérea em Gaza.

A aviação israelense efetuou dezenas de ataques aéreos contra a Faixa de Gaza em represália pelos foguetes lançados na segunda-feira a partir deste território palestino.

A Organização para a Libertação da Palestina (OLP), dirigida por Abbas, assinou em 23 de abril um acordo de reconciliação com o Hamas para acabar com a divisão política em vigor desde 2007 entre Cisjordânia e Faixa de Gaza.

A Autoridade Palestina governa as zonas autônomas da Cisjordânia, enquanto a Faixa de Gaza, sob bloqueio israelense, é governada pelo Hamas.

AFP